Gestão da segurança do trabalho: dicas para melhorar

Compartilhar:

O QUE É CA? Tudo sobre Certificado de Aprovação
10 de outubro de 2019
consultoria ambiental
Consultoria Ambiental: entenda a sua função
21 de novembro de 2019

Gestão da segurança do trabalho: dicas para melhorar

dicas gestão segurança do trabalho

Nossa preocupação número 1 é levar a segurança do trabalho, bem estruturada e completa, para cada vez mais empresas. Existem vários obstáculos neste caminho, mas podemos dizer facilmente que a falta de conhecimento é um dos mais fortes deles.

Não apenas o desconhecimento sobre o que seria a gestão da segurança do trabalho, mas principalmente a ausência de pesquisa e investimento para ter o processo de gestão desta segurança efetivo.

Um fato é que Desenvolver as atividades sem as

medidas de segurança adequadas pode levar a sérios problemas de saúde para o trabalhador, como também prejuízos para as empresas. Por isso, todas as ações desenvolvidas em uma empresa, quando envolvem a integridade dos funcionários, deve ter a sua segurança como foco.

Essa medida se deve não apenas pelo cumprimento das leis e normas, mas também porque garantir a integridade dos colaboradores é também uma forma de melhorar o desempenho do negócio, já que a equipe é a parte mais importante de qualquer empresa.

Com todos exercendo suas funções com tranquilidade, o aumento de produtividade é algo natural. Quando o funcionário se vê bem atendido dentro da própria empresa, seu sentimento de pertencimento é muito maior, e todos ganham com isso.

Fácil perceber, certo? Então continua lendo este texto que vamos te ajudar a melhorar o processo de gestão da segurança do trabalho do seu negócio com algumas dicas práticas.

Dicas para melhorar a gestão da segurança do trabalho

  • Saiba que tudo está funcionando

A primeira dica diz respeito ao devido funcionamento de todas as medidas da segurança do trabalho, como as ferramentas, uso de equipamentos, treinamentos e máquinas utilizadas na rotina.

Criar um checklist de segurança pode ajudar neste ponto. O profissional responsável por essa gestão deve ter a mão a lista de tudo que deve ser acompanhando:

  • todos os materiais necessários para o trabalho estão disponíveis, e em boas condições;
  • realizar a conferência dos equipamentos de proteção individual;
  • garantir que todas as máquinas estão em perfeito funcionamento, para não expor a equipe que o irá manusear ao risco.
  • Buscar realizar a manutenção dos equipamentos e máquinas

Aqui tanto a manutenção regular quanto aquela que busca ser preventiva devem ser lembradas. Assim, entendendo a manutenção como um conjunto de ações técnicas que permitem regular o funcionamento normal dos equipamentos, é essencial que seja investido tempo e esforços para ter essa manutenção sempre em dia.

  • Conhecer as principais metodologias de gestão para adaptar o processo

Ao longo da história foram criadas filosofias que ajudam a manter a organização e a disciplina diária. Com o tempo, muitas delas foram implementadas no mundo corporativo, tornando-se metodologias de gestão. Dentre todas que existem no mercado, existem algumas delas que se aplicam bem a gestão da segurança do trabalho.

Exemplos bons são: a Metodologia 5S, que busca garantir mais organização, melhor produtividade e menos desperdício; e o Ciclo PDCA, metodologia de gestão que visa melhorar a produtividade, com mais organização e segurança.

Precisa de mais dicas e ajuda profissional para estruturar a segurança do trabalho no seu negócio? Acesse nosso site para entender um pouco mais como funciona nosso serviço e, qualquer dúvida, entre em contato com a Labore!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.